Brasil Game Show 2017 – StreetFighter.com.br

Brasil Game Show 2017

A Brasil Game Show é a maior feira de games e entretenimento eletrônico da América Latina e como é de costume, todos os anos a gente passa por lá para conferir o evento.

A localização do evento melhorou em nossa opinião. Ao contrário do ano passado, a feira voltou ao seu local “padrão”, o Expo Center Norte, próximo ao terminal rodoviário do Tietê.

Não tão próximo de lançar o temporada 3 e o a atualização “Arcade Edition” do Street Fighter V, pouca coisa sobre o jogo foi vista na feira. A Capcom estava dando mais ênfase à outros jogos como Monster Hunter World e Marvel Vs. Capcom Infinite.

O estande do PlayStation estava bem grande e bonito como sempre. Um dos pontos mais altos foi a utilização do óculos de realidade virtual e a fila para testar o aparato durava horas. Dissídia Final Fantasy, Call of Duty WW II e Ni No Kuni 2 foram destaques entre os jogos exibidos além da paixão nacional: PES 2018.

No lado do Xbox também não deixou a desejar. Uma grande aposta foi o Xbox One X, que estava disponível para testes e o jogo mais impressionante com certeza foi o novo Forza.

A área indie estava bem farta e cheios de jogos legais para a gente curtir e testar.  Três corredores cheio de jogos nacionais independentes sendo que muitos deles nos surpreenderam de forma positiva. Jogos como “No Heroes Here”, que é um castle defense pixelado coop com quatro jogadores, super divertido e “John Zombie”, que é um jogo onde o Zumbi é você e seu dever é comer miolos e conquistar habilidades para achar a cura de zumbi fizeram a festa da galera. Outros dois jogos muito bons foram o “Esquadrão 51”, que é um jogo de navinha onde o planeta Terra tem que combater um ataque alienígena através do globo e o tão falado “Trajes Fatais”. Esse último é um jogo de luta 2D em sprites (ao melhor estilo Street Fighter clássico e Darkstalkers) com elementos da cultura e do folclore brasileiro. Tive a oportunidade de conversar um pouco com os desenvolvedores e consegui testar um pouco da demo que estava à disposição da galera e apesar de estar em um estágio bem básico de desenvolvimento, dá para perceber que esse jogo tem muito potencial. Vamos ficar de olho!

Dois estandes fizeram a alegria dos mais velhos. A WarpZone e a VGDB (Video Game Data Base) estavam bem próximos na área de lojas (shop) da BGS. A WarpZone com sua nova leva de livros e uma grande atração, o famoso YouTuber gamer: Alessandro Velberan.

Há poucos metros, o estande da VGDB estava com uma vitrine deliciosa de jogos do nosso amigo Edson Godoy, além de uma coleção de jogos retrô à venda, sem contar com os produtos da loja Club 16-Bit, do nosso amigo Pedrux. E como se não bastasse, o VGDB disponibilizou uma TV de tubo de 29” com um Mega Drive e um Super Nintendo pro pessoal jogar à vontade. Ainda tinha um totem híbrido de computador / fliperama onde era possível acessar o acervo digital do VGDB e jogar clássicos do Arcade.

O nosso amigo e colaborador aqui do site, o Rafael Pompeu jogou uma partida no estande Desafio Uber e o momento foi registrado em vídeo, olha só que bacana:

Além do estande Desafio Uber, também estavam rolando partidas de Marvel Vs. Capcom Infinite no telão do WB Games.

Os cosplays sempre são uma atração à parte na BGS. Separamos algumas fotos de personagens de Street Fighter e derivados pra vocês:

Marcos em seu cosplay de Ryu

Pedro Marcondes em seu cosplay de Strider Hiryu (Zeku jovem?)

O pequeno Artur estava se concentrando para soltar aquele hadouken poderoso e acabou piscando sem querer.

A praça de alimentação desse ano estava muito maior e melhor do que nos anos anteriores. Em qualquer momento do dia conseguíamos lugar para sentar e comer. As opções de comida estavam bem diversificadas e era possível encontrar vários tipos de culinária para atender vários gostos e vários bolsos. Tinha todos os tipos de preços e no geral os valores eram compatíveis com esse tipo de evento.

A BGS é sempre um evento delicioso onde estamos cercados de videogames e de pessoas que compartilham dos nossos interesses. Seja para jogar aquela demo antes da hora, seja para ver os ídolos ou até mesmo para bater um papo com outros gamers e conhecer aquela galera que normalmente só vemos pela internet, você tem que visitar a BGS. Durante essa semana, é o lugar para se estar. Nos vemos ano que vem na Brasil Game Show 2018. Até lá!

Downloaders mobile track reviews will have the ability to manage their paypal account on the go, dealing with most aspects of the service, including the ability to send and request money